O conceito de formação na história e na literatura

A disciplina pretende promover uma série de reflexões sobre o conceito de “formação”, tomando-o como conceito-chave para a compreensão da cultura moderna, sobretudo em sua mobilização pelas modernas filosofias da história e pelo gênero do romance de formação, sem deixar de considerar suas atualizações contemporâneas. Tendo como referência os ideais clássicos de paideia e humanitas, que marcaram a cultura grega antiga e o humanismo cívico renascentista, a ideia místico-pietista de Bildung e a pedagogia iluminista do setecentos, o conceito de formação sofre, na virada do século XVIII para o XIX, uma importante inflexão semântica, encarnado um ideal de formação integral da personalidade no contato entre o indivíduo e o mundo social.